terça-feira, dezembro 01, 2015

ESTADO VAI PARCELAR SALÁRIOS ACIMA DE 2 MIL EM DUAS VEZES

É grave a crise. Para todos. No entanto, há gestores decentes e lúcidos e há os canalhas que se sentam em cima do rabo e vigiam o rabo do adversário.

O governador do Estado do Rio de Janeiro, Pezão, tem tratado as dificuldades do Estado com coragem e transparência. Ainda agora, anunciou as dificuldades da maquina pública para honrar compromissos com os servidores que ganham acima de 2 mil reais. No entanto, espera pagar o décimo terceiro salário até o próxmo ia 9.

Veja matéria do Extra:


Pezão afirma que tentará pagar segunda parcela do salário de servidores antes do dia 9

Pezão voltou a dizer que ainda não há garantias sobre 13º de servidores
Pezão voltou a dizer que ainda não há garantias sobre 13º de servidores Foto: Fabiano Rocha / Extra/Arquivo
Geraldo Ribeiro
Tamanho do textoA A A
O governador do Estado do Rio, Luiz Fernando Pezão, diz que luta para que a segunda parcela do salário de novembro dos servidores seja liberada antes do dia 9. Na segunda-feira, o governo havia anunciado que parcelaria o pagamento de novembro de servidores ativos e inativos que ganham mais de R$ 2 mil líquidos. Aposentados e funcionários que recebem até esse valor terão o pagamento integral nesta terça-feira (aposentados) e quarta-feira (ativos). Aqueles que ganham acima desse montante receberão R$ 2 mil nessas datas, e a diferença até o dia 9 de dezembro.
Em relação ao 13º salário, Pezão voltou a dizer que ainda não há garantias.
— Vai ser uma luta permanente. Estou lutando para manter o salários em dia. Fizemos um esforço imenso neste ano. Neste ano, o Estado do Rio perdeu R$ 12 bilhões em royalties e atividades econômicas. Nenhum estado do país aguenta uma perda dessa.
O governador disse também que vai procurar a associação comercial e a Fecomércio, em um esforço para que os empresários paguem seus impostos:
— É uma luta diária para honrar nossos compromissos. Se as empresas não recolhem os impostos, não temos como honrar.
O governador ressaltou que foi criada uma nova lei para facilitar o pagamento de impostos pela empresas no Estado do Rio. Ao ser questionado sobre a cesta de Natal dos servidores, o governador disse que o benefício ficará a critério de cada secretaria.

20 comentários:

  1. vc que escreveu o comentário ofensivo, é um viadinho enrustido, covarde, medroso, corno, pq eu sei quem vc é. corno inconformado. vai pastar no mesmo coxo onde sua mãe, velha marafona, se farta. viadinho, cornão!

    ResponderExcluir
  2. viadinho vc não é de nada, vc não paga pra ser. vc é CORNO e seus vizinhos todos sabem. sua mãe é marafona velha. não vou te esperar pq vc é frouxinho. eu vou atrás de vc. ah, vou comer sua patroa. ela não te aguenta Mais. vc é BUNDÃO! ME ESPERA, COVARDINHO!

    ResponderExcluir
  3. fernando não suja sua mão com esse baxinho não. decha ele pra mim. ele tem porte de arma mais é cagão,. decha comigo;

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Fernando! !
    Fiquei muito triste ao ler esses comentários porque sempre admirei sua postura linguística, uma linguagem culta, sábia, não se deixe levar por qualquer tipo de comentários maldosos sem escrúpulos. Respire fundo e entregue tudo nas mãos do Nosso Senhor porque só Ele proverá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdão, vc tem toda razão. Eu acabei por me nivelar com o ser desprezível que, sistematicamente, à sombra do anonimato, me ofende moralmente. Agressões a mim, eu as suporto, democraticamente, e nem poderia ser diferente, na medida que mantenho este blog com críticas e opiniões. Mas quando envolve minha família, reajo com emoção e, confesso, que passei dos limites. Peço perdão ao leitores em geral. Darei por finalizada esta polêmica baldia. Apenas, acrescento que não publiquei os comentários do pigmeu moral porque era, absolutamente, impublicáveis. Acho que mais cedo ou mais tarde, encontrarei esta personagem para que eu a faça engolir o que disse. Perdão, mil perdões!

      Excluir
    2. corrigindo: (...) porque ERAM, absolutamente(...)

      Excluir
  5. Fernando estou chocada com sua reação.

    ResponderExcluir
  6. Não combina com vc esta linguagem chula e perdida. Vc é um poeta - dos melhores - não é razoável rebaixar-se a tanto. O leitor tem o direito de ser vulgar, vc não. Decepcionada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Recebo com humildade as reprimendas. eu as mereço.

      Excluir
  7. Decepcionadíssima, não leio mais seu bog. Ainda mais por tentar defender este governador. Adeus!.

    ResponderExcluir
  8. carlnhos j.carioca2 de dezembro de 2015 08:44

    Não é porqu sou admirador do Fernando(não o conheço pessoalmente)que entro aqui para defendê-lo,apenas não aceitar que ele entre nessa baixaria conforme o fez.Mas,não sou fã do Pezão mas a atitude humilde,corajosa e transparente que ELE tomou foi a demonstração de um Gestor que pelo menos não é covarde e dá a cara para bater,coisas,que em nossa cidade não temos.Isso é simplesmente uma OPINIÃO,NÃO SE TRATA DE DEFENDER,COMO EU NÃO ESTOU DEFENDENDO ESSE GOVERNADOR. Mas acho que as pessoas devem ser mais moderadas ao se expressar assim penso eu. abs

    ResponderExcluir
  9. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  10. fERNANDO FALOU POUCO. tODO CASTIGO PRA CORNO É MERECIDO! OS VIZINHOS SABEM KKKK MUITO BOM.

    ResponderExcluir
  11. ...frouxinho bota fralda descartável!

    ResponderExcluir
  12. vc não vai conseguir se esconder de mim corninho.

    ResponderExcluir
  13. pilombeta, é muito blá blá blá. vc é muito chato(a). acabou a conversa bundudo(a).

    ResponderExcluir
  14. Fernando boa noite! Não precisa me pedir perdão. Compreendo que só quem está no olho do furacão pode te entender. Tem pessoas e pessoas. Tem aquela que nos apóia nos fortalece, outros querem nos ver assim desestruturados, desequilibrados emocionalmente . Riem dos nossos sofrimentos como se fossem imortais. Não se deixe levar por essas maledicências. Coragem meu amigo, força fé e foco! Creio que você têm ainda muitas missões aqui na Terra , não desanime. De uma coisa você pode ter certeza, jamais vou fazer o que alguns anônimos fizeram, te abandonar. Mas na minha humildade, te fortalecer . Um abraço! Eliane.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião