quarta-feira, setembro 28, 2016

ELEIÇÕES LIMPAS!


OPERAÇÃO LAVA JATO BREVEMENTE, EM CAMPOS

Deu no jornal da Band, na noite desta quarta feira, 28.

O braço da Operação Lava Jato vai surpreender algumas pessoas em vários Municípios do Brasil, entre os quais, Rio das Ostras e Campos dos Goytacazes, logo nas primeiras horas da manhã e não vai demorar.

Em comum com outras cidades, Campos está na planilha de pagamento de propina para fraude de licitações em favor da empresa Odebrecht.

Os promotores do Ministério Público federal estão debruçados na documentação apreendida na sede da empreiteira e na delação premiada do próprio Marcelo Bahia Odebrecht.

Em Campos, a Odebrecht é cliente antiga e só para se ter noção de sua influência por aqui, é dela o maior contrato em valores absolutos do atual governo, 1 bilhão de reais, para construção dos conjuntos habitacionais.

É aguardar e conferir.

JUSTIÇA ELEITORAL ALERTA CONTRA A COMPRA DE VOTOS

JORNAL TERCEIRA VIA


TRE faz ação contra compra de votos na Pelinca

Objetivo é conscientizar a população contra prática ilegal.


Uma ação da Justiça Eleitoral aconteceu na tarde desta quarta-feira (28), na Avenida Pelinca, em Campos. O objetivo foi conscientizar a população contra a compra de votos. A ação teve a presença de vários agentes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e também do juiz da 75ª Zona Eleitoral de Campos, Ricardo Coimbra Starling – que também é responsável pela fiscalização da propaganda eleitoral em Campos.

“Estamos sempre preocupados com as denúncias de compra de votos, porque este ato ilegal pode mudar o resultado de uma eleição. Essa ação que fizemos hoje, temos feito desde julho e vamos continuar até este domingo, que é dia das eleições”, explicou o juiz.

E quem quiser fazer alguma denúncia sobre compra de votos, propaganda irregular ou abuso de poder, pode entrar em contato com a Justiça Eleioral pelo Facebook, na página Denúncias Eleitorais RJ 2016, pelo Whatsapp (21) 99533-5678, por e-mail propaganda.eleitoral@tre-rj.jus.br, pelos telefones (21) 3436-9999 (TRE-RJ) ou (22) 2723-9494, pelo site www.tre-rj.jus.br ou pessoalmente no cartório da 75ª Zona Eleitoral, que fica na Avenida Alberto Torres, nº 81, Centro.

DELEGADO PAULO CASSIANO: "NÃO COMENTO BLOG DE POLÍTICOS, APENAS PROVAS DO INQUÉRITO"

O Diario:

Garotinho acusa delegado de complô e de fazer campanha para Rafael Diniz

Denúncia foi feita no blog do secretário de Governo de Campos e presidente do PR Anthony Garotinho

O secretário de Governo de Campos e presidente estadual do PR, Anthony Garotinho, denuncia, no seu blog, “um complô” envolvendo várias autoridades, para derrubar grupo político liderado por ele – do qual faz parte o candidato a prefeito Dr. Chicão - “e colocar na Prefeitura de Campos um representante das elites. Ele posta imagens que, segundo avalia, “comprova o envolvimento direto do delegado da PF [Paulo Cassiano Jr.] com a campanha de Rafael Diniz. Procurado pela reportagem, Cassiano diz que “não comenta blog de político, apenas provas do inquérito”.
(Mais detalhes na edição impressa de O Diário desta quinta-feira)

PEZÃO ADIA RETORNO AO GOVERNO PARA 31 DE OUTUBRO

O Dia:

28/09/2016 14:31:14 - ATUALIZADA ÀS 28/09/2016 14:41:03
O DIA

Nova prorrogação é necessária para a recuperação física após efeitos colaterais da quimioterapia. Ele passará por perícia médica em outubro


O período de licença já havia sido estendido em agosto, quando passou para até 28 de setembro. O governador Pezão foi diagnosticado em março com um linfoma não-Hodgkin anaplásico de células T-Alk positivo. Após o diagnóstico, ele foi submetido a tratamento quimioterápico. ‎

Em julho, exames de imagem mostraram resolução completa do quadro do linfoma. Com a melhora, os dois últimos ciclos de quimioterapia, previstos inicialmente, foram suspensos. Entretanto, os médicos que acompanham o governador dizem ser precoce dar como vencida a doença. Segundo eles, Pezão se encontra em remissão, não tem sintomas e evidência do câncer, mas permanece em tratamento para recuperação clínica total.

WIKILEAKS GOITACÁ

Fico aqui matutando com meus neurônios.
Que nível de sofisticação desse dono de loja de telefones celulares.
Ele descobriu o nome do proprietário do telefone investigado, identificou a mensagem, o dia e a hora em que foi passada e que o delegado usa 4 tipos de operadoras diferentes.

É a versão papa-goiaba do Edward Snowden.

GAROTINHO ACUSA DELEGADO DA PF DE COMPLÔ CONTRA CANDIDATURA DE CHICÃO

O secretario de governo, Anthony Garotinho, ao que parece, sem autorização judicial, quebrou o sigilo telefônico do delegado da Policia Federal de Campos, Paulo Cassiano, a quem acusa de compor uma orquestração, que envolve autoridades, contra o governo Rosinha e a candidatura oficial à sucessão municipal.

A denúncia completa pode ser lida no Blog do Garotinho.

CANDIDATOS ACIONAM SEUS JURIDICOS CONTRA CAMPANHA SUJA NAS REDES SOCIAIS

O Diario


Campanha "suja" nas redes sociais

Advogados de Chicão e Caio recorrem à Justiça e autores podem ser identificados

Da Redação
Uma intensa campanha difamatória está inundando as redes sociais em Campos nos últimos dias. Segundo postagem no Facebook do jornalista Roberto Barbosa, os alvos são os principais adversários do candidato a prefeito do município, Rafael Diniz (PPS). Os ataques são iniciados por perfis supostamente falsos e posteriormente compartilhados por supostos integrantes da campanha do vereador.

O trabalho seria coordenado por uma agência de marketing com sede no Rio de Janeiro e São Paulo. A campanha pelas redes sociais por meio de pefis fakes (falsos) é proibida pela legislação e neste caso tem um agravante, porque promove ofensas em benefício de um candidato contra outros. 
Um dos alvos preferenciais da campanha é Dr. Chicão (PR). Mas nos últimos dias também passou a atingir Caio Vianna (PDT), insinuando que ele “teria se vendido para o candidato da Frente Popular Progressista” (conforme ilustrações ao lado da matéria). 

Caio entrou na rota de adversários quando sua candidatura passou a ameaçar o vereador nas pesquisas de intenção de votos. Um dos perfis falsos utilizado na rede é o “Campista revoltado” e “Campista revolt”, todos utilizando material da campanha de Rafael Diniz. 

A articulação também implicaria no uso de estratégias viróticas, por meio de vídeos disseminados no aplicativo WhatsApp. Os vídeos são altamente agressivos, promovendo intimidações e ofensas às famílias dos candidatos. 

O advogado da Coligação “Frente Popular Progressista de Campos”, que tem como candidato Dr. Chicão, Fabrício Ribeiro, informou que já entrou na Justiça Eleitoral com várias representações contra as ofensas em páginas do Facebook e blogs. “O que se nota é que essas páginas foram criadas com a finalidade de fazer propaganda negativa à candidatura de Dr. Chicão. Entramos com pedido de liminar contra o Facebook para que as páginas sejam retiradas do ar e, inclusive, já há determinação judicial pedindo informações de autoria dessas páginas”, comentou o advogado, esclarecendo que os autores, assim identificados, serão processados por injúria, calunia e difamação, além de multa por propaganda negativa, conforme prevê a Lei 9.504/97.

De acordo com a advogada da Coligação “Você Governa”, de Caio Vianna, Priscila Marins, “não é saudável para a democracia as pessoas saírem do campo das ideias e entrarem no campo de batalha. Por isso que representei no TRE-RJ pedindo providências e retiradas de postagens ofensivas contra o candidato nas redes sociais. É comum embates eleitorais, mas isso não autoriza que esses embates transbordem o limite de liberdade de manifestação e pensamento para ofender a honra das pessoas”, comentou.

Rafael diz que também é vítima de "panfletos apócrifos"

Ontem, o 3ª Via online noticiou fato parecido que Rafael Diniz atribuiu ao governo municipal. Trecho da matéria diz: “Planfletos apócrifos (não assinados) estão sendo distribuídos principalmente nas comunidades carentes de Campos acusando - de forma mentirosa e ilegal - o candidato a prefeito Rafael Diniz (PPS) de pedir ao Ministério Público o bloqueio do Cheque Cidadão. O material ilegal não tem nenhuma identificação exigida pela legislação – o que configura crime eleitoral”. A equipe de reportagem tentou contato com Rafael Diniz, mas o celular dele estava desligado.

Porém, segundo o 3ª Via, Diniz também vai recorrer à Justiça. “Nosso jurídico vai tomar as providências cabíveis. Eu lamento esse jogo sujo, jogo de mentira que o governo está fazendo. Tudo isso por causa do nosso crescimento na intenção de voto como mostram as pesquisas. Enquanto vereador, no final de 2013, votei pelo reajuste desse benefício (Cheque Cidadão). Então, agora, como posso ser contra?”, teria afirmado o candidato.

No início da campanha eleitoral a Justiça chegou a informar que adotaria uma postura rígida contra a utilização de perfis falsos, mas a prática parece ter disseminado e se tornado incontrolável. 

ELEIÇÕES 2016: FORÇA NACIONAL EM CAMPOS E EM MAIS 10 CIDADES DO RIO DE JANEIRO

g1:


Força Nacional reforçará a segurança de 11 cidades do RJ nas eleições

Na Barra da Tijuca, 500 homens da Força Nacional estarão no lugar da PM.
Além do RJ, outros 7 estados receberão reforço das forças federais.

Do G1 Rio
Homens da Força Nacional e das Forças Armadas vão reforçar o esquema de segurança em 11 cidades do estado do Rio de Janeiro nas eleições municipais no próximo domingo (2). Além da cidade do Rio, os agentes também estarão em Duque de Caxias, Nova Iguaçu, São João de MeritiSão GonçaloBelford Roxo, Campos, Macaé, Magé, Queimados e Japeri.
Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio das tropas federais para outros sete estados, além do Rio de Janeiro. O número de militares que participarão desse esquema ainda não foi divulgado pelo Ministério da Justiça e da Defesa.
De acordo com o governo federal, os militares do Exército e da Marinha se dividirão entre as cidades do estado. No caso da região da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, 500 homens da Força Nacional farão o policiamento no lugar da Polícia Militar.

Segundo a Polícia Civil do Rio, 14 pessoas ligadas à política foram mortas nos últimos nove meses na Baixada Fluminense. Após investigações, a polícia descobriu que, de 13 crimes, apenas dois tiveram motivos relacionados à política.
Crimes
O caso mais recente ocorreu nesta segunda-feira (26), quando criminosos invadiram o comitê eleitoral do candidato a vereador Marcos Vieira de Souza, o "Falcon", e o executaram com tiros de fuzil. Falcon também era policial militar e presidente da escola de samba Portela. A polícia ainda está apurando a motivação do crime e não descartou nenhuma possibilidade.
O envio de Forças Federais para garantir a segurança da votação e a apuração também acontece em Mato Grosso, Alagoas, Rio Grande do Norte, Tocantins, Mato Grosso do SulAcre e Pará. Os pedidos de envio de tropas federais para essas localidades foram feitos ao TSE pelo respectivo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de cada estado.
Em julho, o presidente do TSE, Gilmar Mendes, já havia pedido ao ministro da Defesa, Raul Jungmann, que as tropas enviadas ao Rio para reforçar a segurança da Olimpíada continuassem na cidade até outubro.

No dia 26 de agosto, Gilmar Mendes visitou o Cartório Eleitoral de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, para ver de perto a realidade da região por causa do grande número de mortesenvolvendo políticos, pré-candidatos e candidatos nessas eleições.
"É a primeira visita que eu estou fazendo a uma zona eleitoral e nós, por conta de todas essas razões, optamos por fazê-lo aqui na Baixada Fluminense. É uma situação extremamente grave. Há incidentes que podem não ter conotação eleitoral e outros, a maioria, com conotação eleitoral", disse Gilmar Mendes, em agosto.
Na ocasião, o ministro informou também ter enviado um ofício ao Ministério da Justiça, no qual solicitou que a Polícia Federal ficasse responsável por investigar os assassinatos.

O POVO DE CAMPOS EXIGE ELEIÇÕES LIMPAS!

Estamos a 4 dias das eleições municipais.
O Município de Campos dos Goytacazes é, de novo, cenário das práticas mais nocivas já vistas no processo eleitoral.
Acho que, em nenhum outro Município do País, o clima é tão tenso quanto aqui.
Atores canastrões da cena cívica se acham acima das leis e subestimam a inteligência da população mais sacrificada. São aqueles, os mesmos de sempre, que mentem, desavergonhadamente, que batem nossa carteira e gritam - pega ladrão!
Querem, à força, impor sua vontade.
Estão desesperados. O que temem, afinal? Nós sabemos, nós sabemos muito bem.
O destino do Município está nas nossas mãos.
Vamos enfrentar a impostura com coragem.
Aqui, na minha modesta trincheira, prometo reagir aos golpes do Poder corrompido.
Faça o mesmo. Não estamos sozinhos.
Meu whatsApp é 9 9856 1540, e-mail: outrosquintais@gmail.com
Denuncie as manobras espúrias.
Queremos eleições limpas!
(FLF)