sexta-feira, outubro 24, 2014

O VERDADEIRO CRIVELLA

ACESSE AQUI: O VERDADEIRO CRIVELLA

MENINAS DE GUARUS: PEDIDO DE HABEAS CORPUS

Do Blog do Claudio Andrade:

Já foram enviadas para a Terceira Vara Criminal da Comarca de Campos dos Goytacazes as solicitações de informações requeridas pela desembargadora da Segunda Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Rosa Helena Penna Guita, em relação ao habeas corpus impetrado por um dos réus do “Caso Meninas de Guarus”.

Vale ressaltar, que a liminar postulada no HC foi indeferida. Agora, a Vara de Campos tem 10 dias para responder.

AGENDA DE PEZÃO NESTE SÁBADO, 25

09h00  Caminhada em Belford Roxo 

Ponto encontro: Rua João Fernandes Neto (na esquina próximo ao Banco Itaú)
 
10h00  Caminhada no comércio de Duque de Caxias  

Ponto encontro: Av. José de Alvarenga (em frente ao Prezunic)
 
12h00  Caminhada no comércio de Nova Iguaçu           

Ponto encontro: Praça Rui Barbosa
 
14h00  Correata em São João de Meriti (Jd Metrópole)

Ponto encontro: Rua Zemiro Bentox de Assis (em frente ao nº 39)
               
16h00    Correata em Pinheiral

Ponto de encontro: Posto Gasolina do Nena após posto da PM (na entrada da cidade)

PEZÃO FAZ CARREATA GIGANTE EM CAMPOS

Acompanhei parte da maratona do candidato a reeleição a governador do Rio, Luiz Fernando Pezão,em Campos, hoje, 24. Ele chegou ao aeroporto Bartolomeu Lyzandro pouco depois das 14h, onde uma multidão o aguardava e de lá, saiu em carreata pelas principais ruas de Guarus e da margem direita do Paraiba. A caravana foi até Goitacazes, onde finalizou o trajeto. Acompanharam Pezão, todas as lideranças de Oposição, no Município. Antes de seguir viagem, Pezão festejou a unidade em torno de seu nome, por parte de "lideranças tão expressivas" e confirmou que está confiante num resultado positivo nas eleições de domingo que vem, 26.

INADMISSÍVEL, INDECENTE, UMA MERDA!

(Do sitio Ururau)


REDES
RSS
CIDADES E REGIÃO - CRIME AMBIENTAL

Mais esgoto sendo jogado in natura no Rio Paraíba do Sul, em Campos

MPF tem deflagrado ações permanentes para impedir crimes ambientais
 Marcelo Esqueff

MPF tem deflagrado ações permanentes para impedir crimes ambientais

A equipe de reportagem doSite Ururau flagrou na tarde da última segunda-feira (20/10), duas manilhas despejando esgoto in natura, nas margens do Rio Paraíba do Sul. A água cai nas proximidades do bairro Jardim Carioca, onde existe mais ou menos a 600 metros, uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) da concessionária Águas do Paraíba.
Moradores da Rua Waldemar Fernandes Pimentel relataram para a equipe que o esgoto produzido pelas residências, é jogado diretamente para os bueiros cuja função exclusiva é a captação de águas pluviais. Quando os bueiros estão quase transbordando o esgoto é direcionado para outra caixa de coleta denominada “piscinão”, que quando está em seu limite de transbordamento, aciona uma bomba de sucção, direcionando esses dejetos para tubos que desembocam diretamente nas margens do Rio Paraíba.
Além do cheiro forte, moradores relataram que nos dias de chuva, o esgoto se mistura com a água e invade algumas residências. Na conta de água que é cobrada, consta a tarifa de esgoto de igual valor, mas como verificamos, não existe qualquer tratamento desse esgoto.
Alguns moradores disseram que convivem com esta situação há 20 anos. Em nota, a concessionária Águas do Paraíba informou que iria checar a denúncia e tomar as devidas providências, afirmando ainda que o “piscinão” não é de sua responsabilidade.
A reportagem do Site Ururau enviou à Secretaria de Comunicação de Campos a solicitação de uma resposta, assim como fez também contato com o secretário de Meio Ambiente, Zacarias Albuquerque, que informou que o ‘piscinão’ é de responsabilidade da Secretaria de Obras. Já o secretário de Obras, Edilson Peixoto estava em reunião e ficou de retornar o contato.
O Ministério Público Federal (MPF) tem realizado varias operações como objetivo de repreender o crime ambiental. O procurador da Republica Eduardo Santos de Oliveira declarou recentemente em uma das operações que “qualquer atividade potencialmente poluidora em relação ao rio na região, vai continuar sendo investigada”.
O MPF deflagrou no ultimo dia 20 a Operação ‘Aquarius’, com o objetivo de fiscalizar e inspecionar os estabelecimentos comerciais, situados às margens do Paraíba que estariam despejando dejetos sem tratamento.
Neste ano o vereador Alexandre Tadeu (PRB) chegou a propor no plenário da câmara uma Comissão Parlamentar de inquérito (CPI), para investigar a concessionária, que estaria praticando crime ambiental. O relatório apresentado pelo vereador trazia indícios de irregularidades como a quebra de contrato entre a Prefeitura e a Concessionária.
O Parlamentar chegou a colher assinaturas suficientes para a abertura do inquérito, o que mudou quando alguns dos vereadores recuaram e retiraram suas assinaturas do documento, o que inviabilizou a investigação da Casa de Leis.
Links relacionados:

PREVICAMPOS: SERVIDOR, OLHO VIVO!

(Por e-mail)

Fernando,
Pode conferir, sei o que estou dizendo, mas por razões óbivas eu não posso me identificar.
O Benilson Paravidino, presidente do previcampos, também se recusou a assinar as tais operações, citadas por voce, por isso foi "demitido" ou melhor trocado pela sub-secretária de obras, que entende pouco de obras e muito menos de previdência.

O problema é sério e pode gerar grandes prejuízos ao instituto, que não recebe os repasses da prefeitura a quatro meses.   Não são só as verbas devidas dos recolhimentos da prefeitura que não são repassadas, mas também os recursos descontados dos funcionários da prefeitura também não são repassados (apropriação indébita).


Como dizia o velho Ibrain Sued, olho vivo, que cavalo não desce escadas.

CARREATA DE PEZÃO HOJE EM CAMPOS

O governador Pezão faz carreata, hoje, 24, em Campos, com concentração às duas da tarde, no aeroporto Bartolomu Lyzandro.
(Foto Ururau)


quinta-feira, outubro 23, 2014

CRIVELLA E GAROTINHO, O ATRASO AMEAÇA E MANDA NOTÍCIAS



Paira sobre o Rio uma sombra, justo sobre o Rio de Janeiro, um Rio solar.

Forças conservadoras fundamentalistas religiosas se articulam para a conquista do Poder.
De um lado, o bispo da Universal, segundo homem na hierarquia da Igreja de Edir Macedo, Marcelo Crivela; do outro, o Garotinho, uma liderança forjada na luta popular, convertida ao atraso, ao incorporar os vícios políticos que combatia.

Ambos têm ideias necrosadas sobre o processo político-democrático e social; ambos, como lideranças, precisam da miséria cevada, como exército de Brancaleone, massa de manobra, como meio para seus fins. São perigosos porque são ideológicos.

Não custa lembrar que o Rio de Janeiro é um ente de uma federação republicana laica, mas, mais que isso, é um Estado plural, tolerante, irreverente, agitador, fomentador cultural, pátria do samba, ditador de moda, hábitos e costumes, berço de religiões afrodescendentes, historicamente, perseguidas, ultimamente, por conta do radicalismo ignorante e inquisitorial das novas seitas, impedidas de professarem sua crença no rito de passagem do ano, nas praias da zona sul. UM espetáculo belo de cultura e fé. Rio de Janeiro do Carnaval, maior espetáculo da Terra, tradução mais que perfeita do Brasil no exterior.

Quando uma ameaça dessa grandeza se anuncia, homens e mulheres de bem devem reagendar seus compromissos diários e encontrar um tempo, por mínimo que seja, para lutar, mesmo a “luta mais vã”, a luta com as armas da palavra contra a impostura, travestida de aliança eleitoral.

Que eles se acertem nos gabinetes, enquanto nós nos acertamos nas ruas, a grande arena do confronto democrático.

Eles querem fundar aqui uma republiqueta fundamentalista, unilateral, disfarçadamente autoritária. E têm por trás de si uma  rede de TV aberta – a segunda do país – vários canais de TV fechada, a maior rede de rádio do Brasil e uma corporação religiosa portentosa, que arrecada milhões de reais por dia. Contudo, não passarão!


Se depender de nós, o Rio de Janeiro continuará lindo. Em todos os sentidos.


(FernandoLeiteFernandes)

AGENDA DE PEZÃO NESTA SEXTA FEIRA, 24

10h00    Correata de Mesquita a Nilópolis

Ponto de encontro: Av Presidente Costa e Silva (Linha Férrea), 611
em frente ao depósito do Cristal Mesquita
 
11h30    Caminhada no Calçadão de Nilópolis

Ponto de encontro: em frente à estação na Av. Getúlio de Moura.
               
14h00    Carreata em Campos dos Goytacazes

Ponto de encontro: Aeroporto
               
16h30    Caminhada em Rio de Ostras

Ponto de encontro: Praça José Pereira Câmara – Centro
 
18h00    Caminhada em Cabo Frio (Jardim Esperança)

Ponto de Encontro: Praça da Entrada (em frente ao Hospital Municipal).

IBOPE E DATAFOLHA: PEZÃO 55%, CRIVELLA 45%

G1:

23/10/2014 19h05 - Atualizado em 23/10/2014 19h05

Ibope, votos válidos: Pezão tem 55%, e Crivella, 45% no RJ

Margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.
Segundo o instituto, indecisos somam 5%.

Do G1 no Rio
Pesquisa Ibope divulgada nesta quinta-feira (23) aponta os seguintes percentuais de intenção de votos válidos na corrida para o governo do Rio de Janeiro:

Luiz Fernando Pezão (PMDB) - 55%
Marcelo Crivella (PRB) - 45%
Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo.
No levantamento anterior do instituto, divulgado na segunda-feira (20), Pezão tinha 56% e Crivella, 44%.
Votos totais
Se forem incluídos os votos brancos e nulos e dos eleitores que se declaram indecisos, os votos totais da pesquisa estimulada são:
Luiz Fernando Pezão (PMDB) - 46%
Marcelo Crivella (PRB) - 37%
Branco/nulo – 12%
Indecisos – 5%
Ibope fez a pesquisa entre os dias 20 e 22 de outubro. O instituto ouviu 2002 eleitores. A margem de erro é de dois pontos, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. O que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número RJ-00076/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR 01164/2014.